pais e filhos na biblia

Relação entre pais e filhos na Bíblia: 6 dicas para melhorá-la

Tempo de leitura:6 Minuto, 51 Segundo

Hoje gostaria de falar com vocês sobre a importante questão da relação entre pais e filhos na Bíblia.

Ainda me lembro dos meus tempos de adolescência e da relação caótica que tive com meus pais.

Lembro-me de pensar que meu modo de ver a vida estava correto, e que de alguma forma eles não sabiam do que estavam falando.

Que eles estavam sempre errados.

Agora, com mais maturidade, e mais anos no topo, eu só posso olhar para trás e muito tempo para ter tido um relacionamento melhor com eles durante essa fase.

Teria me poupado muitos erros.

Meu caso é apenas mais um de muitos que nos mostra como cada vez mais a diferença de geração entre pais e filhos está aumentando.

As relações familiares continuam a ser dificultadas pelas diferenças culturais e pelo produto de uma visão de mundo divorciada.

É cada vez mais difícil entender e apreciar uns aos outros entre gerações.

A relação entre pais e filhos é, no entanto, uma das mais importantes de nossas vidas.

É por isso que cuidar dele e desenvolvê-lo de forma saudável é fundamental.

É evidente que sempre há espaço para melhorias nessas relações. Por isso devemos aprender sobre um bom relacionamento entre pais e filhos na bíblia.

O que a Bíblia diz sobre a relação entre pais e filhos?

Hoje eu gostaria de compartilhar com vocês seis dicas bíblicas sobre a melhor relação entre pais e filhos.

Para isso, convido-o a ler alguns versos curtos da Bíblia:

Crianças, obedeçam seus pais no Senhor, pois isso é justo.

Honre seu pai e sua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa; que você pode fazer bem, e ser de longa vida na Terra.

E vocês, pais, não provocam seus filhos à raiva, mas os criam em disciplina e advertência do Senhor.

| Efésias 6:1 – 4

Além disso, o apóstolo foca sua atenção na relação entre pais e filhos.

Primeiro lembra as crianças do mandamento para honrar pai e mãe, e depois os pais não serem intransigentes com os filhos.


Dicas sobre a relação entre pais e filhos na bíblia

#1 Reconheça suas limitações e valorize os conselhos de seus pais

Como jovens, é natural querer ser independente e tomar nossas próprias decisões.

No entanto, devemos estar cientes de que temos muito impulso e falta de experiência.

Uma combinação que pode nos levar a muitas situações.

Se reconhecermos que somos falíveis, e que nossos pais nos amam e querem o melhor para nós, então poderemos apreciar sua opinião e conselhos.

Já que eles têm o que nos falta.

Maturidade e experiência.

O apóstolo pede que as crianças ouçam e obedeçam aos nossos pais, pois sua experiência e direção nos ajudam a navegar na vida com maior sabedoria.

Essa dica sobre a relação entre pais e filhos na bíblia nos poupa de dor e erros.

#2 Reconheça seus deveres para com seus pais

Outra dica importante sobre pais e filhos na bíblia é reconhecer o zelo de nossos pais. No meio de nossos conflitos durante a juventude, é fácil não considerar nossos pais, seus desejos, seus sentimentos e nossos deveres em relação a eles.

No entanto, não podemos esquecer que eles amaram, cuidaram e nos sustentaram desde nossa infância.

De uma forma muito precisa, devemos tudo o que somos aos nossos pais.

Por isso, e em resposta ao seu amor incondicional, devemos-lhes respeito e consideração.

É por isso que o apóstolo Paulo nos lembra do mandamento para honrar nossos pais.

Se os honrarmos, se somos gratos e atenciosos com eles, Deus nos honrará com bênçãos.

Dicas bíblicas para os pais

#1 Pai, lembre-se que você também era jovem

Como pais, é fácil esquecer que já fomos jovens também e não sentimos empatia por nossos filhos, ou entendemos os processos pelos quais estão passando.

Uma dica importante sobre o relacionamento entre pais e filhos na bíblia é dada pelo apóstolo Paulo. Eu acho que de certa forma quando o apóstolo Paulo está nos convidando para não provocar raiva em nossos filhos, ele está nos chamando para a alteridade e empatia.

Tente lembrar seu tempo de juventude, isso vai ajudá-lo a não levar pessoalmente os erros de seus filhos, a entender que é uma etapa necessária em sua vida.

Vai te dar paciência, amor e esperança de não desistir deles.

#2 Não seja intransigente com seus filhos

Embora seja verdade que as crianças devem obediência aos seus pais, isso não deve ser uma desculpa para assumir uma atitude arbitrária e intransigente em relação a eles.

É por essa razão que o apóstolo nos confia para não provocar nossos filhos à raiva.

O relacionamento entre pais e filhos na bíblia também está ligada ao nosso vínculo de filhos com Deus, nosso pai. A obediência que Deus deseja é baseada na confiança e no amor, não no uso de intimidação ou força.

É por isso que sempre tente lembrar seus filhos que suas decisões, mesmo que eles não possam entendê-los ou apreciá-los, são baseadas no seu amor por eles e que eles buscam seu bem-estar.

Incentivar o diálogo e até mesmo ficar aberto à negociação.

Não tomem decisões, ou neguem seus pedidos sem explicar suas razões.

Não só isso vai aumentar a confiança e fortalecer o relacionamento, mas vai preparar seus filhos para sua vida independente, e para serem bons pais.

#3 Ensine aos seus filhos o valor da disciplina

O apóstolo nos convida a criar nossos filhos na disciplina.

Muitas vezes essa palavra pode ser associada a ideias relacionadas com o exército ou o tratamento duro.

No entanto, a melhor maneira de educar na disciplina é a consistência.

É pelo exemplo.

Deus espera de nós o que ele próprio está disposto a fazer.

Se buscamos educar nossos filhos na disciplina, é uma boa ideia cultivá-la em nossas próprias vidas.

Se nossos filhos não virem em nós coerência, eles resistirão justificadamente às nossas exigências.

Ajude seus filhos a serem obedientes, ordenados, limpos, pontuais, respeitosos, não se afastarem do dever, etc.

Ao mesmo tempo, não se esqueça de ter certeza que eles vêem isso em você.

#4 Não pare de contar aos seus filhos sobre Deus

Se você mesmo tem uma imagem saudável de Deus, como um pai amoroso que deseja o melhor para a humanidade, e que está constantemente nos admoestando para receber seu amor, seu perdão e buscar arrependimento; então não pare de contar a esse seu filho sobre aquele Deus que o ama.

O apóstolo nos instiga a criar nossos filhos em admoestação do Senhor. Essa é outra orientação importante sobre pais e filhos na bíblia.

Ajudá-los a desenvolver o medo de Deus em seus corações e ajudá-los a desenvolver uma compreensão adequada da graça e da salvação.

Embora em etapas pareça que Deus não importa para eles ou não os interesse, não deixe que sua atitude o desencorraje, lembre-os de que Deus os ama e deseja estar perto deles.

Conclusão

Lembre-se destes conselhos sobre a relação entre pais e filhos na bíblia. Assim como ninguém nasce sabendo como ser pai, também é verdade que ninguém nasce sabendo ser um filho.

Se fizermos do amor de Deus a fundação de nossas famílias, com sua ajuda e armados com humildade e paciência, podemos fortalecer nossos laços em nossas relações como pais e como filhos.

Se você acha que tem dificuldades de demonstrar seu amor, leia nosso texto sobre como demonstrar amor ao próximo. Outro texto interessante é este estudo sobre educação de filhos no lar cristão. Estes dois textos vão te ajudar a melhorar o relacionamento entre pais e filhos na bíblia.

Relacionamentos que nos ajudam a ficar perto de Deus.


E o que você acha sobre a relação entre pais e filhos de acordo com a Bíblia? Diga-nos se essas dicas te ajudaram. Compartilhe os comentários.


Você está lutando com problemas ou circunstâncias difíceis em sua vida, e você sente que precisa de ajuda?

Estamos aqui por você. Oferecemos a você a possibilidade de falar com alguém que vai ajudá-lo através de todas essas coisas difíceis, sempre de mãos dadas com Deus.

Desconto no aconselhamento cristão

Use o cupom DIOSPRIMERO2022 quando for fazer o pagamento e obtenha 50% de desconto.

Bênçãos e um abraço.

Relação entre pais e filhos na Bíblia: 6 dicas para melhorá-la

Sobre o autor

Daniel & Jessi

Quando minha mente estava cheia de dúvidas, seu conforto renovou minha esperança e minha alegria. Salmos 94:19 | Conheço muito bem os planos que tenho para vós — afirma o Senhor — planos de bem-estar e não de calamidade, para vos dar futuro e esperança. Jeremias 29:11
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.